SSL e HTTPS: o que são e como influenciam o posicionamento do seu site no Google?

Entre os elementos que o Google leva em consideração na hora de posicionar uma página nas buscas, a segurança do site é um dos que possui maior peso. Por isso, os certificados de segurança digital, conhecidos como SSL e HTTPS, se tornaram tão importantes em uma estratégia de marketing digital.

E não é por acaso. Afinal, se o Google redirecionar o usuário para uma página criada para roubar os dados do cliente, por exemplo, toda a sua credibilidade e a experiência do usuário estarão em risco.

Se você não sabe o que é e qual o impacto do SSL e HTTPS na segurança de seu site, fique tranquilo. Neste post, vamos ensinar tudo o que você precisa saber sobre o assunto. Confira!

O que são SSL e HTTPS?

O SSL é uma abreviação de Secure Sockets Layer, termo em inglês popularmente conhecido como “certificado de segurança SSL”, tecnologia que faz a encriptação das páginas e dados de seu banco de dados. Ela garante que terceiros tenham acesso às informações compartilhadas entre o servidor e o usuário, o que permite uma navegação segura e livre de fraudes.

O SSL tem relação direta com o HTTPS, que é um dos vários protocolos de segurança que utilizam essa tecnologia.

O HTTPS também é uma abreviação de um termo em inglês, o hypertext transfer secure protocol, que significa “protocolo seguro de transferência de hipertexto”, e é um protocolo de segurança presente nos principais navegadores da internet.

Ele foi criado especialmente para permitir que o usuário da rede mundial de computadores utilize dados sigilosos, com o número de cartão de crédito, por exemplo, sem correr o risco de ser interceptado por pessoas mal-intencionadas.

O HTTPS é indispensável para e-commerces, mas seu uso em sites e blogs tem aumentado muito, justamente por ajudar no posicionamento nas buscas do Google.

Como implantar os protocolos SSL e HTTPS em meu site?

O certificado de segurança HTTPS é emitido por autoridades de certificação, que verificam se o endereço de um site realmente pertence à organização.

Por isso, é muito importante que você verifique se a autoridade de certificação contratada por você oferece suporte técnico, o que é fundamental para empresas que não possuem profissionais especialistas na certificação de segurança para a Web.

Depois de escolher o responsável pela certificação de seu site, segundo os protocolos de segurança SSL e HTTPS, você deve avaliar qual é o tipo de certificado de autenticação ideal para o seu site. São três opções:

  • Certificado único para origem única: usado por sites que não farão variações em sua URL. Exemplo: www.seusite.com;
  • Certificado para multi-domínios: usado por sites que terão inúmeras variações em sua URL. Exemplo: www.seusite.com, site.seusite.com e seusite.com.br;
  • Certificado para subdomínios dinâmicos: ideal para sites que fazem uso de vários subdomínios. Exemplos: teste.seusite.com, beta.seusite.com.

Por fim, é de extrema importância que você habilite as buscas do seu site HTTPS no seu arquivo Robots.txt, garantindo que sua página seja indexada pelo Google, conquistando melhores posições nas buscas orgânicas.

Como usar os protocolos SSL e HTTPS em meu site?

Agora que você já sabe como os protocolos SSL e HTTPS influenciam no posicionamento de seu site no Google, é hora de aproveitar todos os seus benefícios.

Como você pode ver, essa não é uma tarefa fácil, pois exige a observação de uma série de detalhes técnicos que podem dificultar a vida de quem não é especialista na área.

Mas se você tiver dúvidas sobre como implantar o SSL e HTTPS em seu site, não hesite: entre em contato com a gente! Nossa equipe é capaz de ajudá-lo a otimizar o site de sua organização, conquistando as primeiras posições nas buscas do Google.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.